O Estatístico: Acabou?

Será que estou escrevendo esse texto para informá-lo de que “O Estatístico” acabou? Que será a última vez que você vai ler algo novo por aqui?

Criei esse espaço em julho de 2015 com muita vontade de fazer algo diferente. Se você me acompanha de longa data, sabe que tento passar a estatística e tudo que ela pode oferecer, de uma forma mais leve e ao alcance de todos. Sonho em democratizar o conhecimento e o raciocínio estatístico, que acredito ser muito importante para todos que vivem em uma sociedade.

Então quando decidi fazer isso, tracei objetivos: compartilhar conhecimento; promover a estatística; motivar as pessoas a estudarem estatística; aprender diariamente e de forma contínua; ajudar e conectar pessoas; dar sentido à estatística para tudo que está ao seu redor.

Como consequência do trabalho, acabei conhecendo muita gente bacana, aumentei e fortaleci o networking, me tornei uma referência no mercado, conectei mais pessoas, palestrei em cidades pelo Brasil e em instituições muito reconhecidas, como USP, Unicamp, UFMG e UNESP.

Quase tudo que aconteceu foi incrível! Juntos, você e eu aprendemos muito um com o outro. Quando compartilhamos conhecimento e conectamos pessoas, portas e janelas se abrem, e coisas boas acontecem. Poderia contar uma série de histórias boas que aconteceram em pouco mais de quatro anos de site e redes sociais criadas para ajudar a atingir os objetivos. Mas vou me conter para não perder o foco.

Na verdade, eu senti muita falta de estar aqui com você. Compartilhando, conectando, trocando ideias, se conhecendo pessoalmente (por quê não?), trabalhando juntos, participando de projetos ou simplesmente lendo e compreendendo o que cada um quer dizer.

Senti falta de aprender todo dia continuamente e de poder compartilhar o aprendizado. Senti falta de ser mais curioso e de fazer perguntas que não havia respostas. Senti falta, até da ansiedade, de responder seu comentário e suas perguntas. E por sentir tanta falta, por escrever me fazer bem e saber que o conteúdo faz bem as pessoas que acompanham o trabalho, “O Estatístico” não acabou.

Começa aqui uma nova jornada ainda mais intensa e com muito mais aprendizado para compartilhar. Sejam todos bem-vindos e sintam-se convidados a contribuir com tudo que temos a compartilhar.

Muito obrigado por estar aqui e por acompanhar este trabalho.